Posts

Frutos de mar. Branco o tinto?

 

Aprenda a harmonizar frutos de mar

A gastronomia é um mundo fascinante, cheio de detalhes, de cores, de aromas e sabores. Cada prato tem vida própria e representa o estilo do autor, da pessoa que o elaborou. Sentar frente a um prato visualmente agradável, bem decorado, colorido, com agradáveis aromas e bom sabor é uns dos maiores prazeres de um grande número de pessoas no mundo.

Estas pessoas que adoram a gastronomia são as mesmas que adoram também o vinho.  Já tiveram a oportunidade de provar um prato gostoso, de qualidade, delicioso, mas sem a companhia de uma taça de vinho? Dá a impressão que algo está faltando. Acho que é a magia da cumplicidade entre dois produtos que se complementam sublimemente.

Sobre a harmonização em si, felizmente existe em forma natural e espontânea uma relação sensorial que faz com que o vinho harmonize com a comida, e a probabilidade de que esta seja totalmente inexistente é muito baixa.

Para conseguir ter sucesso na hora de harmonizar um prato com uma garrafa de vinho é só usar a lógica e o senso comum em relação a cada um dos detalhes. Cores, aromas e sabores, tanto do prato como também do vinho com o qual queremos que nos acompanhe.

Ceviche

Ceviche

Por exemplo: vamos comer um fruto do mar, o qual logicamente sempre tem que ser o mais fresco possível, tipo um peixe branco (ex.: robalo). O preparo será com ele cru (ceviche), onde coloquemos só limão para acrescentar ao sabor e ao frescor. Neste caso, o correto é procurar um vinho que tenha as mesmas caraterísticas do prato, ou seja, se estamos falando de um produto do mar que tem que ser consumido o mais fresco possível também teremos que procurar um vinho que deva ser bebido o quanto antes.

Como este prato (ceviche) vai ter um sabor predominantemente cítrico, por causa do limão, temos que procurar vinhos que tenham estas mesmas características. Então, o vinho correto vai ser um branco, o mais jovem possível, que tenha uma marcada acidez e que não tenha passado por madeira.

Serão muitas opções para harmonizar um ceviche de maneira correta, independente da variedade da uva. Pode ser um Sauvingon Blanc, um Chenin Blanc, até um Torrontés, mas o importante é que tenha as caraterísticas destacadas anteriormente.

Então agora você já sabe. Frutos de mar crus, harmonizam maravilhosamente com vinhos brancos, frescos, sem madeira e o mais jovem possível.

 

Receita de Risoto de camarão

reeIngredientes

200 gramas de camarão rosa

1/2 limão 1 dente de alho picado

2 colheres (sopa) de azeite de oliva

1 cebola picada 150 gramas de arroz arbório

1/2 xícara (chá) de vinho branco

1 colher (chá) de açafrão-da-terra (ou cúrcuma)

2 xícaras (chá) de caldo de legumes

1/2 xícara (chá) de manteiga

1/2 xícara (chá) de queijo parmesão ralado

sal a gosto • pimenta-do-reino a gosto • sal a gosto • pimenta-do-reino a gosto.

 

Receita de Risoto de camarão

Receita de Risoto de camarão

Modo de preparo

Limpe os camarões e tempere com o sal, o suco de limão, o alho e a pimenta-do-reino. Reserve.

Em uma panela, aqueça o azeite e doure a cebola. Acrescente o arroz e mexa bem sem deixar queimar. Adicione o vinho branco e mexa até se evaporar.

Misture o açafrão e junte aos poucos o caldo de legumes. Controle o ponto do arroz e, um pouco antes de ficar pronto, acrescente os camarões. Desligue o fogo quando os camarões estiverem cozidos e o arroz ficar cremoso.

Acrescente a manteiga, o queijo parmesão ralado e salsa picada. Envolva delicadamente e sirva bem quente.

Vinho para harmonizar o Risoto de Camarão

Prefira vinhos brancos que tenham bom corpo e concentração, por exemplo, algum vinho elaborado pela uva Viognier, Semillon ou Chardonnay que tenham tido guarda em madeira.

 

Veja Também:

 

 

Receita fácil de Salada de camarões

 

Imagina preparar em poucos minutos uma salada sofisticada,  deliciosa, e muito refrescante. A chef Edneia Benfica preparou esta receita, que certamente você vai a adorar.

 

Ingredientes para preparar Salada de camarões

200 gramas de rúcula

12 fatias  presunto de parma

12 unidades Camarão VG

200 gramas tomate cereja

4 unidades de batata

200 gramas queijo parmesão

 

Preparação da Salada de camarões

 

Envolva os camarões em finas fatias de presunto cru e doure em frigideira quente e finalize no forno aquecido dois minutos a 180 graus.

Cozinhe as batatas deixando ao dente e logo gratine as mesmas com o queijo parmesão.

Coloque os tomates cerejas na frigideira com azeite, acrescente uma pitada de sal e pimenta do reino.

Depois de frio servir com a rúcula.

Salada de camarões e batatas

Salada de Camarões. Muito refrescante e fácil de preparar.

 

Dica da chef Edneia Benfica

Para que sua receita fique ainda mais gostosa, pode acompanhar a salada com este molho de camarão.

Processe as cascas do camarão e em uma panela, e cozinhe com um pouco de conhaque.

Coe bem e adicione um pouco de azeite e creme de leite.

Tempere ao seu gosto e pronto, seu molho já pode ser apresentado na sua salada de camarões.

 

Dica do Sommelier Conseil Alex Ordenes, para harmonizar a salada de camarões:

Então, para harmonizara essa salada de camarões existem várias opções, acredito que os  vinhos que melhor se entenderiam com os cores, aromas e sabores dessa receita seria algum vinho Rosé. O importante é que seja um Rosé jovem, fresco e frutado. Também poderia harmonizar com vinhos espumantes, de preferência também roses,  com a condições de que sejam Brut (que não sejam doces).

 

Receita: Risoto de Quinoa com Salmão

Quinoto: prato é um risoto que troca o arroz pela quinoa

Já ouviu falar em quinoto? O prato é uma versão do bom e velho risoto, que, no lugar do arroz, leva a quinoa. Saudável e delicioso, o quinoto combina com peixes como o salmão.

 

Quinoto de Los Incas

Rendimento: 1 porção

Tempo de preparo: 12 a 15 minutos

 

Ingredientes:

500 ml de caldo de legumes

100 g de quinoa

1 cebola branca

30 ml azeite de oliva extra virgem

10 g de manteiga

100 g de cogumelo Paris fresco

2 folhas de radicchio

50 ml de creme de leite

50 g de queijo parmesão Grana Padano

30 ml de vinho branco

200 g de salmão

Sal

Pimenta do reino fresca

Receita: Risoto de Quinoa com Salmão

Receita: Risoto de Quinoa com Salmão

 

Modo de preparo:

Aqueça o caldo de legumes em uma panela. Quando levantar fervura adicione a quinoa, um pouco de sal e deixe cozinhar por 8 minutos. Retire o ingrediente da panela e reserve em um recipiente em banho maria com água e gelo. Essa técnica irá interromper o cozimento da quinoa.

Esquente uma frigideira, coloque o azeite e a manteiga. Corte a cebola em juliana (em tirinhas). Cozinhe a cebola em fogo muito baixo até caramelizar.  Na sequência adicione os cogumelos Paris cortados em 4 partes. Com os cogumelos cozidos, acrescente as folhas de radicchio cortadas em chiffonade (bem fininho). Agregue o vinho branco e uma pitada de sal. Acrescente a quinoa e o creme de leite, misture todos os ingredientes e deixe reduzir. Para finalizar, acrescente o queijo parmesão ralado e misture até derreter. Deixe repousar por 2 minutos.

Enquanto o quinoto repousa, aqueça o azeite de oliva e manteiga em outra frigideira. Coloque a posta de salmão temperado com sal e pimenta e sele os dois lados do peixe deixando ele ao ponto. Absorva o excesso de gordura com papel toalha.

Para servir, coloque o quinoto ao centro do prato e o filé ao lado. Finalize com pimenta do reino fresca salpicada.

 

Receita: Cordeiro caramelizado ao vinho tinto

 Ingredientes Cordeiro caramelizado ao vinho tinto

1 kg de carne de cordeiro (pernil, paleta, costela, lombo);
1/4 de xícara de azeite;
2 cebolas picadinhas;
3 colheres (sopa) de mel;
1 colher (chá) de tomilho seco;
1 ½ taça de vinho tinto seco;
1/4 de taça de aceto balsâmico;
5 dentes de alho picados;
1 l de caldo de cogumelos ou de frango;
Sal e pimenta-do-reino;

Receita: Cordeiro caramelizado ao vinho tinto

Receita: Cordeiro caramelizado ao vinho tinto

Modo de fazer Cordeiro caramelizado ao vinho tinto

1 Ligue a forno a 180°C.
2 Limpe a carne, caso seja necessário retirar o excesso de gordura ou membranas, e corte-a em pedaços grandes.
3 Numa frigideira, doure a carne no azeite. Em seguida, salgue, apimente e reserve-a.
4 Na mesma frigideira, coloque o mel e a cebola e cozinhe em fogo baixo por 8-10 minutos. Junte o alho, deixe mais uns 2 minutos e, então, adicione o tomilho e o vinho tinto. Deixe reduzir quase completamente, junte o aceto e deixe reduzir novamente até quase virar um xarope.
5 Adicione o caldo e deixe esquentar bem. Se a frigideira tiver cabo metálico e puder ir ao forno, coloque nela a carne reservada. Caso contrário, acomode a carne numa travessa refratária e banhe com o molho. Não é preciso cobrir com papel-alumínio. Cozinhe por cerca de 2 horas, regando a carne com o molho pelo menos umas quatro vezes e virando-a durante o processo.
6 No final do cozimento, o molho deverá estar caramelizado. Se não estiver, passe-o para uma panelinha e deixe reduzir mais. Deixe a carne repousar alguns minutos, corte-a e sirva regando com o molho. Fica bom com legumes ao azeite, cuscuz ou purê de batata.

 

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo:  15 min + 2 h 30 min de cozimento

Receita fácil de Salmão com molho de alcaparras

 

Para a noite especial, que tal preparar esta receita de Salmão com molho de alcaparras. É fácil e rápida de fazer…

Ingredientes

  • 200 g de filé de salmão
  • 1 dente de alho amassado
  • Sal a gosto
  • Pimenta do reino a gosto
  • 1 colher (sopa) de alcaparras
  • 1 colher (sobremesa) de cebolinha picadinha
  • 1 colher (sobremesa) de salsa picadinha
  • 2 colheres (sopa) de azeite de oliva
  • 1 colher (sopa) de suco de limão

Modo de preparo

  • Tempere o filé de salmão com sal, pimenta e alho e deixe tomar gosto.
  • Grelhe em frigideira com um fio de azeite ou asse envolto em papel alumínio em forno pré aquecido por 15 minutos.

Molho

  • Pique as alcaparras e misture com a cebolinha, a salsinha e o suco de limão.

Montagem

  • Transfira o salmão para o prato, e derrame delicadamente o molho sobre o
    filé grelhado.
  • Sirva com arroz integral e seleta de legumes, ou com arroz branco e brócolis.

 

Rendimento: 1 porção

 

Tempo de preparo: 20 minutos

Salmão com molho de alcaparras

Salmão com molho de alcaparras

Receita: Cupim Atolado com mandioca

Ingredientes

Carne:

1kg de cupim

½ cebola picada

1 pimentão verde picado

2 tomates picados

1 colher (sopa) de coloral

½ colher (sopa) de cominho

4 colheres (sopa) de vinagre

3 dentes de alho

Sal a gosto

 

Mandioca:

500g de mandioca

sal a gosto

Pimenta biquinho, cebolinha pérola e azeitonas para decorar

Manteiga de garrafa para servir

 

Cupim Atolado com mandioca

Cupim Atolado com mandioca

Modo de Preparo para o Cupim Atolado com mandioca

Cozinhe o cupim em água com todos os ingredientes por 15 minutos em panela de pressão. Quando estiver bem macio, corte em cubos e reserve. Cozinhe a mandioca na panela de pressão com água e sal por cinco minutos e reserve.

Montagem: coloque a mandioca num tacho, acrescente o molho do cupim e deixe ferver por um minuto ou até que ganhe corpo. Coloque o cupim em cubos por cima e decore pimenta biquinho, cebolinha pérola e azeitonas. Sirva com manteiga de garrafa.

 

Receita fácil de Bacalhau

 

Bacalhau Gomes de Sá com algo mais.

Bacalhau é um dos pratos mais frequentes na Páscoa. Bacalhau à Gomes de Sá é uma das receitas favoritas por estas terras brasileiras.

Originário da cidade do Porto, esta receita de bacalhau é uma das mais populares e conhecidas em todos os lugares. A mistura de batatas, azeitonas, ovos e cebolas com lascas de bacalhau é irresistível.

Quando preparo este bacalhau, faço algumas pequenas modificações. Acrescento alho-poró, pimentões e bacon (sim, podem apostar, fica delicioso).

 

INGREDIENTES Bacalhau Gomes de Sá

 (4 pessoas)

4 postas de Bacalhau do Porto

1/2 Kg de batatas em rodelas

2 cebolas em rodelas finas

1 alho-poró em rodelas finas (apenas a parte branca)

4 dentes de alho em fatias finissímas

3 ovos cozidos picados em cubinhos

1 pimentão vermelho em cubinhos

1 pimentão verde em cubinhos

50 g de bacon em tiras pequenas

Azeitonas pretas sem caroço

Azeite de oliva de ótima qualidade abundante

Salsinha picada

Sal e pimenta-do-reino moída na hora

 

Bacalhau Gomes de Sá

Bacalhau Gomes de Sá

PREPARO

Após dessalgar o bacalhau, aqueça uma panela funda com bastante água até a fervura e mergulhe as postas. Quando voltar a ferver, deixe por mais 1 minuto e retire (não jogue fora a água). Remova a pele (se houver) e faça lascas do bacalhau, retirando os espinhos.  Reserve.

Na água do bacalhau, cozinhe as rodelas de batatas, sem deixar desmanchar.

Aqueça uma frigideira, coloque um fio de azeite e frite o bacon, até estar crocante. Retire e escorra em papel toalha.

Aqueça outra frigideira com um pouco de azeite. Coloque os cubos de pimentão e grelhe suavemente, Retire e reserve. Adicione o alho-poró, a cebola e o alho. Tempere com sal e pimenta e deixe murchar.

Forre o fundo de uma travessa refratária com azeite e faça uma camada de cebola e alho-poró. Por cima faça outra com as rodelas de babatas e após, uma com lascas de bacalhau. Repita o processo até os ingredientes acabarem, deixando por último uma camada de cebolas com alho-poró e os cubos de  pimentões por cima. Preencha a travessa com azeite até 3/4 de sua altura.

Um pouco antes de ir à mesa:

Aqueça o forno e coloque a travessa. Deixe até borbulhar. Retire e enfeite com o ovo, as azeitonas e o bacon. Salpique a salsinha picada e sirva imediatamente.

Hoje é possível encontrar postas de bacalhau congeladas já dessalgadas, o que diminui o tempo de preparo. Esta é uma sugestão maravilhosa para seu ceia de ano novo. Com certeza, um prato destes é prenúncio de um grande ano que está começando.

Escondidinho de peixe com mandioquinha

Ingredientes

 

3 colheres (sopa) de azeite

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

800g de peixe branco em cubos

2 tomates picados

2 colheres (sopa) de extrato de tomate

Sal, cheiro-verde picado e colorau a gosto

100g de queijo mussarela ralado

 

Purê:

 

800g de mandioquinha em pedaços

2 colheres (sopa) de manteiga

1/2 caixa de creme de leite

Sal a gosto

Escondidinho de peixe com mandioquinha

Escondidinho de peixe com mandioquinha

 

Modo de Preparo

 

Para o purê, cozinhe a mandioquinha em água fervente até ficar bem macia.

Escorra e amasse ainda quente com um garfo.

Transfira para uma panela, adicione a manteiga, o creme de leite e sal e cozinhe até formar um creme liso e homogêneo.

Desligue e reserve.

Para o refogado, aqueça uma panela com o azeite e frite a cebola e o alho por 2 minutos.

Acrescente o peixe e refogue por 3 minutos.

Adicione o tomate, o extrato de tomate, sal, cheiro-verde e colorau e refogue por mais 5 minutos.

Desligue, transfira para um refratário médio e cubra com o purê de mandioquinha.

Polvilhe com a mussarela e leve ao forno médio, preaquecido, por 15 minutos ou até gratinar.

Retire e sirva em seguida.

 

Receita: Camarão na moranga

Ingredientes

 

1 moranga média

1 colher (sopa) de óleo

Arroz branco para acompanhar

 

Creme:

 

1kg de camarões médios limpos

2 cubos de caldo de camarão

2 xícaras (chá) de água quente

Suco de 1 limão

3 colheres (sopa) de azeite

Sal e pimenta-do-reino a gosto

4 dentes de alho amassados

1 cebola grande picada

4 tomates sem pele e sem sementes picados

1 xícara (chá) de vinho branco seco

1 folha de louro

4 colheres (sopa) de farinha de trigo

1 copo de requeijão cremoso (200g)

Salsa e cebolinha a gosto

 

Receita: Camarão na moranga

Receita: Camarão na moranga

 

Modo de Preparo

 

Lave a moranga, recorte uma tampa na parte superior e retire as fibras e as sementes de seu interior.

Pincele toda parte exterior com o óleo, inclusive a tampa, envolva com papel-alumínio, coloque em uma assadeira e leve ao forno médio, preaquecido, por 1 hora. Deixe esfriar e reserve.

Para o creme, reserve alguns camarões inteiros.

Dissolva o caldo de camarão na água e reserve.

Tempere o camarão com o suco de limão, metade do azeite, sal e pimenta e deixe descansar por 30 minutos.

Em uma panela, aqueça o azeite restante e refogue o alho e a cebola.

Junte o tomate e refogue mais um pouco. Adicione o vinho e o louro e espere levantar fervura, coloque o camarão e deixe cozinhar por 7 minutos.

Dissolva a farinha na água com o caldo reservado e junte ao camarão, mexendo sempre até engrossar.

Retire do fogo e junte o requeijão, salsa e cebolinha.

Acerte o sal se necessário e coloque o creme dentro da moranga.

Decore com os camarões inteiros reservados, escaldados em água e sal e sirva.